Candidíase: a segunda infecção VAGINAL mais frequente no Brasil!

A candidíase vulvovaginal é uma patologia muito frequente, atingindo 75% das mulheres em alguma fase da vida. Cerca de 5% destas terão candidíase vulvovaginal recorrente, definida como quatro ou mais episódios a cada 12 meses.

Essa infecção caracteriza-se por prurido, ardor, coceira intensa, dispareunia e pela eliminação de corrimento vaginal em grumos, branco, espesso e inodoro. Por vezes, acompanhada de ardor ao urinar e sensação de queimadura. Os principais fatores de risco são: gestação, contraceptivos orais, antibioticoterapia, diabetes mellitus, hábitos alimentares irregulares e uso de vestimentas que propiciem o desenvolvimento de fungos. Para o diagnóstico, pode ser solicitado o exame direito da secreção para pesquisa de fungos ou Trichomonas.

COMPARTILHE

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn